Rio Preto e região registram superávit de US$ 578,2 milhões de janeiro a maio de 2023

Levantamento do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) revelou que, entre janeiro e maio deste ano, a região de São José do Rio Preto – atendida pelo Ciesp Noroeste Paulista, alcançou US$ 714,7 milhões em exportações,
representando um aumento de 31,7% em comparação com o mesmo período do ano anterior.
Já as importações somaram US$ 136,5 milhões, o que significa crescimento de 16,9% frente ao mesmo período do ano passado. Como resultado, o superávit comercial (diferença entre as exportações e as importações) registrou US$ 578,2
milhões.
Os principais itens exportados pela regional do Ciesp Noroeste Paulista (que abrange 102 cidades) foram açúcares e produtos de confeitaria (57,2%), carnes e miudezas (12,4%) e preparações alimentícias diversas (8,9%). Por outro lado,
as importações da regional foram principalmente de máquinas, aparelhos e instrumentos mecânicos (26,9%), peixes e crustáceos, moluscos (25,4%) e leites, laticínios e ovos de aves (13,7%).


Para o diretor de Exportações do Ciesp Noroeste Paulista, Rodrigo Bechara, o resultado é positivo, mas ainda é preciso incentivar as exportações. “Os números mostram um avanço significativo para a nossa região, porém, vale ressaltar que os bons números ainda estão abaixo do potencial de nossas indústrias e que necessitamos trabalhar muito para expandir a cultura exportadora no Noroeste Paulista”, disse. “Com o mercado cada vez mais globalizado, a necessidade de buscar novos mercados, principalmente no exterior, é uma realidade das empresas”, completou Bechara.
“No primeiro trimestre deste ano, nossa região registrou um superávit muito bom, e agora, nesse novo balanço de janeiro a maio, mostrou que novamente fechamos com um superávit. É bem gratificante ver nossa região iniciando 2023 tão bem. Isso nos motiva ainda mais a continuar o trabalho que vem sendo feito na indústria”, salientou Aldina Clarete D’Amico, diretora titular do Ciesp Noroeste Paulista.
No período analisado, os principais destinos das exportações de São José do Rio Preto foram China (11,8%), Argélia (7,9%) e Marrocos (6,8%). Por sua vez, as compras da regional tiveram como principais origens China (25,7%), Chile
(23,8%) e Dinamarca (14,9%).

Compartilhar Notícia

Notícias relevantes