Um pai é condenado a 100 anos de prisão por afogar sua enteada de 3 anos em piscina de hotel

Yahoo Noticias International

O assassino, conhecido como Jose David N, foi condenado a 100 anos de prisão após imagens chocantes mostrarem que ele deixou uma criança de três anos se afogar em uma piscina enquanto banhistas saiam às pressas da cena.

O vídeo, que se passa na cidade de Morelia, México, em agosto de 2015, mostra o homem jogando sua enteada na piscina, mesmo sabendo que ela não sabia nadar.

Ele pareceu surpreso quando foi informado de que a garota havia se afogado.

No entanto, as imagens do vídeo foram suficientes para condená-lo à prisão perpétua sem possibilidade de liberdade condicional.

O juiz Garcia Cardona disse que o homem não apenas jogou a criança várias vezes na piscina como segurou o corpo dela na água em uma posição na qual ela era incapaz de respirar.

A defesa tentou sugerir que a menina morreu fora da piscina e não na água, mas a argumentação foi rejeitada pelos juízes.

A mãe da criança estava dormindo no quarto de hotel no momento do incidente e levou a filha ao hospital depois de perceber que a garota não estava respirando. No hospital, os médicos confirmaram sua morte.

Imagens: CEN

Be the first to comment on "Um pai é condenado a 100 anos de prisão por afogar sua enteada de 3 anos em piscina de hotel"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*