Taise Braz apresenta projeto de lei para criar o Programa Remédio no Município

A vereadora Taise Braz (PT) apresentou projeto de lei para criar o Programa Remédio no Município, que tem por objetivo oferecer à população de Catanduva um sistema descentralizado de retirada de medicamentos.
Atualmente alguns pacientes realizam tratamentos de medicamentos de alto custo, que só são retirados nos Departamentos Regionais de Saúde – DRS, no caso de Catanduva a DRS XV – São José do Rio Preto.
Pela propositura da parlamentar a Secretaria Municipal de Saúde irá designar um servidor lotado na respectiva pasta municipal, para realizar a busca e retirada dos medicamentos disponibilizados pelas DRS de outras cidades.
“Para que o servidor designado pela Secretaria Municipal de Saúde possa retirar o medicamento em nome do paciente ou do responsável, deverá estar na posse de uma autorização, devidamente assinada, com poderes específicos para a finalidade”, informa a vereadora Taise.
Ficará a cargo da Secretaria Municipal de Saúde, através da Farmácia Municipal a organização e estocagem dos remédios a serem distribuídos aos munícipes, assim como a responsabilidade de desenvolver sistema de protocolo para gerenciamento e controle de retirada de medicamentos, com definição da respectiva periodicidade.
“Realizar a busca desses medicamentos gera um transtorno para quem utiliza atualmente a prefeitura não fornece subsídios para custear essa viagem, e o tempo demanda para realizar essa atividade atrapalha o dia a dia das pessoas que com alguma enfermidade ou que é cuidador do enfermo”, explica a parlamentar.
A vereadora destaca também que muitos desses medicamentos são retirados por mães que não tem com quem deixar seus filhos ou então que não podem se ausentar do ambiente de trabalho, além de pessoas idosas ou que não possuem recursos para se deslocar até outra cidade.
“Considerando a dificuldades que tais pessoas já enfrentam, esse projeto visa diminuir as dificuldades enfrentadas, oferecendo um atendimento mais digno, visto que o medicamento poderá ser retirado na própria cidade”, finalizou Taise Braz.

Compartilhar Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Notícias relevantes