Simpósios discutem cefaleia e epilepsia no Anfiteatro Padre Albino

Entre 18 e 20 de maio foram realizados o IX Simpósio de Cefaleia e o IV Simpósio de Epilepsia promovidos pelo curso de Medicina/Fameca/Unifipa, com apoio do Hospital de Base de Rio Preto, Sociedade Brasileira de Cefaleia e indústrias farmacêuticas. Os simpósios tiveram como objetivo promover conhecimento sobre o diagnóstico e tratamento das cefaleias e epilepsias para educação de profissionais de saúde, médicos, especialistas, residentes, estudantes universitários de medicina e áreas da saúde em geral.

No dia 18 de maio aconteceu uma “live” no perfil do Instagram das organizadoras, Profa. Dra. Eliana Meire Mellhado e Dra. Andressa Regina Galego, para troca de informações entre seus “seguidores”. Já nos dias 19 e 20 os encontros foram realizados de maneira presencial para inscritos no Anfiteatro Padre Albino. Os simpósios contaram com a participação de vários palestrantes especialistas em cefaleia e epilepsia de Catanduva e região. Para a Profa. Dra. Eliana Meire Mellhado os simpósios foram extremamente necessários para a troca de conhecimentos a respeito da patologia. “O encontro foi muito positivo, com temas muito relevantes, como anticorpos monoclonais, tratamento da enxaqueca, crise “pseudocrise”, estado de mal epilético, tratamento da epilepsia e crise de malenxaquecoso, temas abordados por excelentes médicos e professores.

O IX Simpósio de Cefaleia e o IV Simpósio de Epilepsia foram organizados pela Dra. Eliana Meire Melhado, neurologista e especialista em cefaleia, doutora em Ciências Médicas na área de Neurologia pela Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP e docente de neurologia na FAMECA/UNIFIPA e pela Dra. Andressa Regina Galego, neurologista, neurofisiologista e preceptora da residência médica de neurologia da FAMERP (Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto), além de corresponsável pelo Ambulatório de Cefaleias do Hospital de Base.

Compartilhar Notícia

Notícias relevantes