SAEC propõe pagar atrasado dos funcionários ainda este ano

Superintendência de Água e Esgoto (SAEC) Catanduva SP

A Superintendência de Água e Esgoto de Catanduva (SAEC) pretende pagar o dissídio atrasado de seus funcionários ainda este ano. A medida é possível com a abertura de crédito suplementar no orçamento, visando o remanejamento de verbas entre setores da autarquia. Um projeto de lei, que prevê a dotação, foi enviado à Câmara na segunda-feira, 10, com requerimento para votação em regime de urgência.

A proposta depende da aprovação dos vereadores para que seja viabilizada ainda em 2018. A intenção é remanejar cerca de R$ 3 milhões, que seriam utilizados em investimentos em obras, para o Departamento de Recursos Humanos, mais especificamente a Folha de Pagamentos.

“Vamos comprometer outros investimentos na área de saneamento básico para honrar a decisão judicial e pagar os 5% devidos aos funcionários. Porém, precisamos redistribuir as contas do orçamento vigente, alteração que só pode ser feita mediante aprovação de projeto no Legislativo.”

O valor da dívida está acumulado desde 2015, ocasião em que o percentual do dissídio deixou de ser repassado aos servidores públicos municipais.

Fonte: Assessoria/Prefeitura