Proavaliar realiza seminários de gestão e autoavaliação no campus São Francisco

No dia 17 de junho, o Proavaliar (Programa de Autoavaliação Institucional) da Unifipa promoveu o XII Seminário de Gestão Educacional e XIV Seminário de Autoavaliação Institucional no campus São Francisco. O objetivo foi aprimorar a gestão educacional, além de compartilhar as ações realizadas para melhorar os cursos por meio de instrumentos que permitem o diagnóstico, sugestões e verificações. Esses instrumentos visam identificar as potencialidades e fragilidades institucionais, bem como a missão da instituição, com transparência de resultados e ética.

A Profa. Dra. Silene Fontana, pró-reitora Acadêmica, abriu os seminários com a palestra “Refletindo sobre a excelência: O papel da Autoavaliação Institucional”. Em seguida, a Profa. Dra. Adriana Balbina Paoliello e o Prof. Dr. Nilson Mozas Olivares apresentaram os resultados e estratégias do programa para o ano.

O evento contou com a presença de coordenadores, docentes e colaboradores da instituição, além da Profa. Dra. Andreia de Haro Moreno, pró-reitora de Ensino de Graduação, Extensão, Assuntos Comunitários e EAD, e da Profa. Dra. Ana Paula Girol, pró-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação, representando o reitor da instituição, Dr. Nelson Jimenes, e a vice-reitora, Cristiane Procópio de Oliveira.

A Profa. Dra. Silene Fontana considerou os seminários como oportunidades para avaliar o desempenho da instituição, seus colaboradores e alunos. “A avaliação é essencial para determinar se algo possui qualidade e não podemos fugir desse processo. Ela é como uma investigação do mérito e valor de um objeto e isso inclui entender o valor de mercado, o contributo do conhecimento e a complexidade nas diferentes disciplinas. Na área educacional, a qualidade é determinada pelos objetivos atendidos, pelas necessidades dos grupos de interesse, pela avaliação positiva dos pares e especialistas, por referências de qualidade e pelo processo de formação cumprido pela instituição. Em resumo, a avaliação é fundamental para assegurar a qualidade, envolvendo o reconhecimento do mérito e valor em diferentes áreas, enquanto nos confrontamos com a inevitabilidade das escolhas e suas consequências”, ressaltou a pró-reitora.

Compartilhar Notícia

Notícias relevantes