Outubro Rosa: Planetário Ibirapuera ganha iluminação especial em celebração ao Mês de Conscientização sobre o Câncer de Mama

O Planetário Ibirapuera, administrado pela Urbia, ganhou uma iluminação especial na cor que representa o mês de outubro mundialmente para a conscientização das pessoas sobre o combate ao câncer de mama. Realizada pela primeira vez no espaço, a ação permanecerá ativa até o dia 31 do mês. O destaque das luzes rosa está na cúpula do prédio que mede aproximadamente 9 metros de altura e 18 metros de diâmetro.
 

Para quem tem interesse em presenciar a iniciativa e até registrar com imagens pela câmera do celular ou máquina fotográfica, o período de iluminação ocorrerá das 19h às 00h, horário que encerra o funcionamento do Parque Ibirapuera. O acesso mais próximo ao Planetário se dá pelo Portão 10 para os pedestres e para quem estiver de carro a entrada é pelo Portão 3, situado na Av. Pedro Álvares Cabral, s/n° – Vila Mariana, São Paulo – SP, 04094-050.
 

O Planetário Professor Aristóteles Orsini, mais conhecido como Planetário Ibirapuera, inaugurado em 26 de janeiro de 1957, foi o primeiro aberto ao público no Brasil. A autoria do projeto de construção do edifício é dos arquitetos Eduardo Corona, Roberto Tibau e Antonio Carlos Pitombo. Mais de 5 milhões de pessoas já visitaram o espaço.
 

Confira também a programação das sessões e cursos ofertados pelo Planetário e pela Escola Municipal de Astrofísica no Parque Ibirapuera neste período pelo site.

Contemplação da Cúpula do Planetário Iluminada para o Outubro Rosa

Data: até o dia 31 de outubro

Horário: 19h às 00h

Local: área externa próxima ao Planetário, dentro do Parque Ibirapuera – Av. Pedro Álvares Cabral, s/n° – Vila Mariana

Gratuito

Sobre a Urbia

Criada em 2019, a Urbia Gestão de Parques nasce para valorizar, cuidar e preservar o patrimônio histórico e ambiental, enquanto oferece lazer qualificado, entretenimento e cultura a todos os usuários. A dedicação da empresa se concentra em criar, a cada dia, um mundo melhor com mais diversidade, inclusão e cidadania. Ao todo, são quatro concessões especializadas na gestão de parques públicos da capital paulista e da região sul do país. A primeira é a Urbia Gestão de Parques de São Paulo é uma Sociedade de Propósito Específico (SPE) criada para cuidar da gestão dos seis parques paulistanos (Ibirapuera, Tenente Brigadeiro Faria Lima, Jacintho Alberto, Jardim Felicidade, Eucaliptos e Lajeado), apoiada no desenvolvimento sustentável, com o objetivo de conectar pessoas por meio do lazer, entretenimento e cultura, e proporcionar momentos de imersão e harmonia com a natureza. Além destes, a Urbia também é responsável pela gestão dos Parques Horto Florestal e da Cantareira, ambos localizados na Zona Norte de São Paulo/SP; áreas de visitação dos Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral (Cânions), situados em Cambará do Sul/RS; e das áreas de visitação do Parque Nacional do Iguaçu, em Foz do Iguaçu/PR.

Compartilhar Notícia

Notícias relevantes