Marquinhos Ferreira questiona razão da Univesp ficar fora do Vestibular em Catanduva

A UNIVESP é uma instituição de ensino superior, exclusivamente de educação à distância, criada pela Lei nº 14.836, de 20 de julho de 2012, mantida pelo Governo do Estado de São Paulo e vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE). É a primeira universidade pública virtual do Brasil.
O núcleo local da Univesp funciona no campus do Instituto Municipal de Ensino Superior – IMES, desde 2018 e neste ano de 2022 ficou de fora do vestibular e a partir disso, o vereador Marquinhos Ferreira (PT) está questionando ao prefeito Padre Osvaldo (PSDB), para que juntamente ao responsável pelo IMES/FAFICA, informem quais foram os motivos que levaram o polo da universidade em Catanduva a não participar do vestibular de 2022.

Marquinhos questiona ainda a razão de o polo não tem coordenador ou tutor responsável, visto que o mesmo tem alunos matriculados.
“Os alunos afirmam que há um grande descaso e abandono por não terem tutor ou monitor para ajuda-los”, pontua Marquinhos.

Compartilhar Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Notícias relevantes