Luis Pereira revoga processo licitatório que visava a contratação de empresa especializada em gestão de processos de facilities e telecomunicações

Primando pela solidificação de sua gestão e pela economia com o gerenciamento da administração da Câmara Municipal de Catanduva, o atual Presidente Luis Pereira, revogou a licitação a qual tinha por objeto a contratação de pessoa jurídica especializada em serviços em gestão de processos de facilities e telecomunicações para a esfera pública.

De acordo com o presidente, Dr. Luis Pereira, a licitação poderia resultar em um contrato de até R$ 614 mil/ano, o que geraria aos cofres públicos um gasto de R$ 51 mil/mês.

Questionado sobre esta iniciativa, o parlamentar frisou sobre a necessidade de estar revendo alguns contratos iniciados nas gestões anteriores: “Após muita reflexão sobre o atual momento que vive a nossa cidade e com uma análise mais aprofundada sobre a saúde financeira do erário, optamos pela revogação do processo licitatório de pronto, antes do credenciamento de algumas empresas, anulando todos os seus efeitos, que ao meu ver não urge de imediato. Faremos um mandato legislativo austero, com muita economia, onde enxugaremos ao máximo as nossas despesas. Dessa forma alcançaremos o nosso principal objetivo, que é colaborar com os balanços orçamentários da Prefeitura Municipal e consequentemente, com o desenvolvimento da cidade, afinal, é para este fim colimado que compactuamos com a população catanduvense”.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social / Câmara municipal de Catanduva