Fernando de Noronha atrai pais e filhos na época das férias escolares

Quem nunca sonhou em curtir férias no mais famoso arquipélago do Brasil? Fernando de Noronha é formada por 21 ilhas, rochedos e ilhotas, com aproximadamente 26 km² de extensão. Além disso, seu encanto está nas águas cristalinas, que carregam diversas tonalidades de verde e azul e pela rica fauna marinha, composta por tartarugas, golfinhos, tubarões, corais e outras espécies.

Se você quer aproveitar o mês das férias escolares e recessos para viajar, Fernando de Noronha é um ótimo destino. Por isso, dezembro é considerado um mês de alta temporada. A temperatura em Noronha é sempre muito agradável, fica na média dos 28 ºC e existem apenas dois períodos predominantes, o de seca e o chuvoso. Dezembro está entre os meses mais secos, quando praticamente não chove na ilha.

Em toda ilha, são as praias que guiam os roteiros da viagem de qualquer família. Inúmeras opções estão disponíveis, mas algumas são melhores para quem vai a Noronha com crianças, que são mais calmas e de fácil acesso.

Diversas praias com diversão garantida

A Baía do Sueste é um desses picos para a criançada. As ilhas nessa região são divididas entre este, que é voltado para a África e tem ventos mais fortes, e o Mar de Dentro – lado voltado para o Brasil e protegido do vento. Apesar disso, em Sueste as ondas não são fortes por ser uma baía. E é fácil de chegar, através do ônibus urbano de Noronha. A praia é marcada por ser local de alimentação das tartarugas, então é bem fácil de encontrar os animais por lá. Há um mangue no outro lado para completar o visual belíssimo da região.

A Praia do Leão também é uma boa pedida e fica também no Mar de Fora. Nesse ponto as tartarugas costumam desovar e por conta disso, não é permitido ficar na praia após as 18h, já que é de noite que elas costumam colocar os ovos. O acesso é feito pelo Sueste, em uma pequena trilha. A praia oferece águas quentes, com piscinas naturais formadas na beira.

Já a Praia do Porto de Santo Antônio por sua água cristalina e uma grande faixa de areia, que garante espaço para a criançada brincar sem problemas. Nesse ponto da ilha também é possível avistar tartarugas dentro da água, além de arraias e um diversificado aquário natural com muitos peixes. Para os pais, não muito distante da costa há um navio naufragado no fundo, então quem levar um snorkel pode conhecer o local, que virou moradia de cardumes inteiros e várias outras espécies, em um passeio indicado para as crianças com mais idade.

Na Baía do Sancho uma trilha ajuda as famílias a acessarem um dos locais mais bonitos do arquipélago. A beleza do lugar vai impactar, com sua água cristalina e toda a paisagem exuberante ao redor. Em épocas de chuva se forma uma cachoeira no paredão de pedra quase na beira da areia, outro visual inacreditável e opção para tomar um banho de água doce.

A Praia de Atalaia também é ótima opção para mergulhos e flutuação com snorkel, mas é preciso agendar o passeio com antecedência, pois o local é área de preservação e tem limite de entrada por dia.

A visita ao Projeto Tamar é, principalmente para as crianças, uma visita imperdível. O instituto trabalha para o estudo e preservação de tartarugas em todo o Brasil, e possui um centro em Fernando de Noronha por conta da intensa atividade dos répteis – menos cobras pelo terreno vulcânico – nas ilhas. Com palestras e atividades diversas, é excelente opção para levar as crianças para conhecer melhor como vivem as tartarugas e também aprender bastante sobre o tema. Ainda disponibilizam excursões para observar a captura e marcação das tartaruguinhas, ou até mesmo passar a noite para ver a desova na Praia do Leão. Na loja é possível comprar lembranças para levar para casa.

Para completar esse pequeno roteiro com as crianças é o Museu do Tubarão. Com palestras, vídeos, imagens, esculturas e amostras de arcada dentária dos maiores predadores do mar, há muito o que aprender. Quem quiser pode experimentar os bolinhos chamados de tubalhau, feitos com mandioca no bar local ou comprar artesanato feito com dentes dos bichos na loja.

Como chegar em Noronha?

Fernando de Noronha teve uma pequena inadequação da pista do aeroporto, mas nunca ficou um dia se quer fechado. Hoje recebe oito voos diários por intermédio da empresa área Azul que sozinha realiza as viagens para a ilha com as aeronaves ATR-600 – as mais seguras do mundo – permitindo a entrada de 560 pessoas diariamente no arquipélago, mantendo a mesma quantidade de turistas de quando a ilha recebia voos maiores de várias companhias aéreas.

Onde se hospedar?

Hoje, a Associação de Pousadas de Fernando de Noronha conta com 32 pousadas associadas, que disponibilizam sistema de reservas e detalhes do empreendimento no site: www.apfn.com.br

Pousada Germana, Pousada Pedra do Mar, Pousada Paraíso, Pousada Mar Aberto, Pousada Morro do Farol, Pousada Morena, Pousada Mar Atlântico, Pousada Verdes Mares, Pousada do Marcílio, Pousada Maravilha, Pousada Tubarão, Pousada Fortaleza, Pousada Beco do Noronha, Pousada Nascer Sol, Pousada Atobá, Pousada da Villa, Pousada Colina, Pousada Triboju, Pousada Malibu, Dolphin Hotel, Pousada Arquipélago, Pousada Lua Bela e Pousada Solar do Pico, entre outras.

Fonte: Visar Planejamento

Compartilhar Notícia

Notícias relevantes