‘Entrega 360’: Kepler Weber inaugura primeira obra em modelo 100% executado pela companhia

A Kepler Weber recém inaugurou, no Rio Grande do Sul, a primeira obra 100% realizada pela companhia. O projeto ‘Entrega 360’ é um novo modelo de construção de unidade de armazenagem, contratado pela Afubra e implementado na cidade de Rio Pardo, no Pampa gaúcho. “Este modelo de negócio ratifica o posicionamento premium da Kepler Weber no mercado de pós-colheita, entregando também serviços de valor agregado, permitindo maior comodidade, segurança e eficiência ao cliente”, comenta Diego Wenningkamp, gerente executivo de implantação de projetos da Kepler Weber.

Diego explica que a ‘Entrega 360’ é uma modalidade que a Kepler desenvolveu para ofertar uma solução completa ao cliente na hora de investir. Além de fornecer os equipamentos, a Kepler é responsável pelo empreendimento desde a fase do projeto até a entrega final. Na primeira etapa, junto com o cliente, todo o projeto é pensado de forma integrada, considerando todas as disciplinas (mecânica, civil, elétrica, tecnologia, etc), compatibilizando tudo para eliminar erros e desperdícios na fase de implantação, que também é realizada e gerenciada pela Kepler até a unidade ser entregue pronta e operando, como no caso da Afubra.

“O investimento representa a sustentabilidade da Afubra para o futuro, sabendo da necessidade de diversificação e, principalmente, do mercado para os produtos agrícolas que, gradativamente, estão complementando a produção de tabaco”, comenta Romeu Schneider, diretor-presidente da Agro-Comercial Afubra Ltda. “Como estamos ampliando as opções de negócios e, pela ligação forte com a agricultura, obviamente o mercado de grãos é o fator mais importante”.

O complexo de armazenagem foi projetado para processar 400 toneladas de grãos por hora. A capacidade de armazenamento é de 30 mil toneladas e os primeiros carregamentos já estão guardados na estrutura, que é toda automatizada e embarcada com a tecnologia Sync da Kepler Weber que permite uma gestão fácil e eficiente da unidade, através da automação com IoT.

“Optou-se por esse modelo de obra pela experiência, capacidade e tecnologia que a Kepler Weber está implementando e por ser uma empresa de renome internacional. Isso traz uma confiança forte do êxito desse tipo de modelo”, completa Schneider.

O projeto, desenvolvido pela Kepler Weber, líder na América Latina em soluções para armazenagem de grãos e movimentação de granéis em portos, permite “uma execução e entrega do empreendimento de forma mais rápida do que nos modelos tradicionais, pois na condição de integradores conseguimos otimizar muito a execução, como foi no caso da Afubra, que recebeu a sua unidade em nove meses, com a entrega no mês de março para uso integral na safra de soja 2021. A execução de obras mais rápida pode proporcionar ao cliente ganhos de rentabilidade já que aumenta a chance da unidade estar disponível operando quando a safra chegar”, destaca Diego.

“A companhia, por meio de cada setor envolvido, tem se empenhado, cada vez mais, para inovar em todas as frentes, seja na execução das obras ou na criação de novas tecnologias, permitindo agregar valor ao negócio e atingir melhor desempenho”, destaca Piero Abbondi, CEO da Kepler Weber.

Piero lembra que o Rio Grande do Sul concentra hoje a maior quantidade de obras da empresa, com 55 projetos em andamento, sob a gestão da companhia;

A obra da Afubra contribui para a ampliação da capacidade de armazenamento no Estado, resultado de investimentos por parte dos produtores para agregar valor ao pós-colheita, além de contribuir para a segurança alimentar”, finaliza Abbondi.

Compartilhar Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Notícias relevantes