Eleições 2020 mostram crescimento do DEM em todo o País

Brasília, 16 de novembro de 2020 – O Democratas foi a legenda que mais cresceu nestas eleições em comparação com 2016 – o partido que tem como representantes nomes de destaque na política brasileira, como o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, o presidente do Senado David Alcolumbre, o vice-governador do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia e o deputado federal e vice-presidente do diretório do DEM em SP, Geninho Zuliani, elegeu 191 prefeitos a mais que em 2016, totalizando 459 prefeituras em todo o País, crescimento de 70,9%. Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
No Estado, DEM foi o segundo em prefeitos eleitos – com 67 prefeitos e o partido que mais elegeu gestores municipais em comparação a 2016, com 18 prefeitos a mais. O Democratas tem ainda três prefeitos eleitos sob júdice, aguardando recurso e outros dois que foram pra segundo turno, casos de Bauru e Piracicaba, podendo chegar a 72 eleitos.
O partido também foi o segundo em vereadores eleitos no estado, com 690 representantes aptos e o segundo na evolução da quantidade de vereadores eleitos em 2020, com relação a 2016, saltando de 530 em 2016 para 690 em 2020, 160 a mais representantes.
Entre as principais capitais brasileiras, venceu em três das que definiram a eleição no primeiro turno – reelegeu Rafael Greca em Curitiba, Gean Loureiro em Florianópolis e também Bruno Reis para suceder ACM Neto em Salvador – no Rio de Janeiro foi para o segundo turno com Eduardo Paes e ainda aguarda definições das eleições no Amapá, que teve as eleições adiadas devido ao apagão de energia.
Em todo o Brasil, o partido recebeu 8.300.989 milhões de votos, sendo o quarto mais votado do País, elegeu 4.308 vereadores, sendo o quinto em maior número de vereadores e o segundo em maior crescimento de vereadores eleitos – 1404 a mais que em 2016.
Para Geninho Zuliani, deputado federal e vice presidente do partido no estado de São Paulo, o crescimento do DEM tem sido gradual e positivo, refletindo a maturidade política e estabilidade partidária da sigla. “Hoje, o Democratas está mais maduro, o partido é independente, não somos base, não somos oposição e não somos centrão, votamos em cima de uma agenda econômica que o partido defende há mais de 30 anos”, frisa.
Defensor da bandeira municipalista, Geninho foi dos políticos mais ativos em levar o apoio do Democratas aos candidatos a prefeito e vereador em todo o Estado de São Paulo, ao longo do período eleitoral 2020. Visitou e recebeu representantes de mais de 150 cidades em todo o estado de São Paulo, como no caso de Barretos e Bebedouro, em que os novos prefeitos Paula Lemos e Lucas Seren, respectivamente, assumem as prefeituras filiados ao Democratas, exercendo pela primeira vez o cargo e renovando a política local. “Esse desempenho só demonstra a influência do Democratas e pessoas que se identificam com as propostas do partido em todo o Estado”, afirma Geninho.

Fonte: Comunic Comunicação Corporativa