Direito Unifipa encerra curso livre com a presença do ex-presidente do TJ/SP

O curso de Direito da Unifipa encerrou mais um módulo do curso livre em ‘Direito Notarial e Registral’, que reuniu estudantes, advogados e profissionais interessados em ingressar na carreira cartorária e suas funções jurídicas. As aulas foram ministradas no último sábado (25 de novembro), no campus São Francisco da Unifipa, com carga horária total de 20h.

A proposta do curso é oferecer atualização nos conhecimentos teóricos e práticos na área e especializar o profissional de Direito à aplicação das atividades cartorárias tanto no âmbito judicial quanto na esfera extrajudicial, com profissionais de relevante experiência, como explicou o Prof. Dr. Assuero Rodrigues Neto, docente responsável pelo curso, acompanhado pelo coordenador Prof. Dr. Luís Rossi.

Os estudos deste ano foram em homenagem ao Prof. Doutor José Renato Nalini, que esteve no encerramento do curso falando sobre a “Jurisdição voluntária e a desjudicialização” que, entre as abordagens, está a migração de alguns profissionais do magistrado para a área de Cartórios e Notas, onde as atividades estão cada vez mais em consonância com as ações de causas do judiciário, aliviando o sistema. Entre outros destaques da carreira, Nalini foi presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo e ex-secretário de Educação.

“Para quem vai estudar Direito essa carreira Notarial e Registral, em qualquer das cinco categorias – Registro Civil, Registro de Imóveis, Títulos e Documentos, Tabelionato de Notas e de Protestos, é muito mais sedutora e promissora do que a própria magistratura, Ministério Público e Defensoria. É o cargo público de direito privado que possui rendas bem atrativas. Isso faz com que muitos juízes, promotores, desembargadores e procuradores de justiça deixem a carreira e prestem esses concursos, que estão cada vez mais disputados”, explicou Nalini, que citou a satisfação em ter seu nome como homenageado, ficando imortalizado em foto sa sala de simulação de audiências do curso.

O encerramento também contou com a presença do ex-desembargador no Estado de São Paulo, juiz por 30 anos e atual Registrador de Imóveis no Estado do Paraná, Dr. José Luiz Germano. Ele, que se considera um discípulo das reformas nas leis sobre o tema, falou da importância do curso para os alunos. “Minha satisfação de estar em Catanduva, região da qual sou familiarizado por atuar como juiz por alguns anos, a convite do curso de Direito da Unifipa, uma das poucas instituições a possuir o título da OAB Recomenda. Este curso veio para esclarecer que a justiça não é feita somente pelo Poder Judiciário; ela se apoia nas serventias extrajudiciais, como caso dos cartórios. É importante que os alunos vejam que também existem outras formas rápidas e até mais baratas de resolver alguns problemas de cunho judicial, além das ações em Fórum e litígios como alternativas. Sem dúvida, quem tem essa bagagem vai sair na frente. A Unifipa está de parabéns por ofertar essa área para seus acadêmicos”.

Esta foi a segunda edição do curso livre em Direito Notarial e Registral oferecido pela Unifipa. A abertura de outros módulos já está prevista para o próximo ano. “O mercado está em constante evolução. O curso possibilita aos participantes imersão 360º nas esferas competentes e as recentes modificações legislativas de autoria do nosso homenageado, procurando ofertar aos corretores e aos advogados conteúdo sobre Direito Notarial e Registral para estarem um passo à frente no mercado imobiliário, entre outros”, complementou o docente Prof. Assuero.

Compartilhar Notícia

Notícias relevantes