Alunos da Pedagogia Unifipa, anos iniciais, participam da Trilha Formativa

No último dia 1º de junho, o Centro de Inovação da Educação Básica Paulista (CIEBP) da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEDUC), em parceria com o curso de Pedagogia do Centro Universitário Padre Albino/Unifipa, promoveu a Trilha Formativa, Anos Iniciais, para alunos daquele curso, na sede do CIEBP, com a finalidade de proporcionar aos estudantes percursos de formação, com foco em vivências pautadas em novas tecnologias, inovação e metodologias ativas.

As trilhas formativas foram norteadas por três eixos temáticos – Sustentabilidade e Meio Ambiente, Indústria 4.0 e Internet das Coisas (IoT), Mundo do Trabalho e Projeto de Vida. Os docentes e estudantes percorreram os espaços de formação, os quais contribuíram para o contato com novas experiências e possibilidades inovadoras de aprender e ensinar, bem como para desenvolvimento de habilidades e competências necessárias à melhoria da qualidade do ensino.

O CIEBP surgiu com a missão de promover e impulsionar a inovação no ambiente educacional; desse modo, constitui-se em espaço de formação de professores e alunos que buscam potencializar a criação, o desenvolvimento, a avaliação e a disponibilização de métodos, práticas e tecnologias para atender aos desafios da educação contemporânea. Nesse contexto, o CIEBP ofereceu aos docentes e alunos dos 1º, 3º e 4º anos do curso de Pedagogia a “Trilha formativa anos iniciais para alunos do curso”, na qual os mesmos tiverem a oportunidade de participar de formações e atividades nos espaços formativos, ancorados em diversas metodologias ativas, que foram desde a ideação de projetos utilizando Design Thinking, passando por atividades de programação, Educomunicação e “mão na massa”, até a prototipação, conforme segue:

  • Hub de inovação: Espaço para EdTechs, educadores, estudantes e empreendedores desenvolverem, validarem e colocarem em prática ideias inovadoras e, assim, contribuírem para a transformação da educação pública de São Paulo.

Formadores: Geise Cabral Belini Cordeiro e Danilo de Carvalho.

  • Programação descomplicada: Espaço de imaginação, criatividade e raciocínio lógico para desenvolver atividades plugadas e desplugadas, de maneira lúdica e criativa, a fim de todos compreenderem o pensamento computacional.

Formadores: Guilherme A. Pavanello e Eduardo Silva dos Santos.

  • Estúdio: Neste espaço, as ideias são transformadas em formato multimídia, com o desenvolvimento de atividades alinhadas à Educomunicação, contando com infraestrutura básica para a realização de gravação, edição e transmissão de conteúdos audiovisuais.

Cultura digital: Espaço para o desenvolvimento de atividades alinhadas à Educomunicação, produções audiovisuais e pensamento computacional, por meio do uso da tecnologia, propiciando a todos o aprofundamento nos diversos modos de fazer, criar, inovar e distribuir significados típicos da cultura digital, atrelados ao uso consciente, ético e crítico em suas diversas aplicações no mundo digital. Assim, estimular a criatividade.

Formadores: Túllio G. de Castro Meira e Isabella Zancaner Carnavali.

  • Cultura maker: O ambiente tem como foco a Cultura Maker, que contempla o fazer, o construir, o experimentar e o criar, utilizando sucata e componentes eletrônicos no desenvolvimento de robôs e protótipos, bem como a programação.

Formadores: Marilisi Cecília Piveta; Maria Valéria Fanhani Barbosa e Josiane Martins da Silva.

  • Robótica e modelagem: O espaço de prototipagem e criatividade envolve reconstrução e criação. Criam-se modelos em Arduino e Microbit e estuda-se a viabilidade de suas aplicações, levando em consideração os estudos de viabilidade e replicabilidade, tanto para alunos como para professores, e obedecendo aos preceitos da Cultura Maker. Este espaço visa a despertar um novo olhar para criação a partir de materiais não estruturados.

Formadores: Glauco Spada Ramos e Fabíola Heloísa de Freitas Luiz.

  • Prototipagem e fabricação digital: Espaço para a modelagem e produção de protótipos, com o apoio de equipamentos computadorizados, tais como impressora 3D e mesa de corte a laser.

Formadores: Vanessa Cristina Pauli e Pedro Henrique Dearo.

A organização da formação esteve sob a responsabilidade do coordenador do CIEBP, Prof. Alex de Britto Almeida, com a participação das docentes do curso de Pedagogia Profa. Dirce Aparecida Gimeniz, Profa. Fabiana Fiorim Checconi e Profa. Márcia Helena Magati Antonioli. A dirigente regional de Ensino, Profa. Luciana Bianchini Lopes Pereira, recepcionou os docentes e alunos.

A coordenadora do curso de Pedagogia, Profa. Dra. Maria Sílvia Azarite Salomão, destaca que o aluno do 4º ano de Pedagogia Natan Oliveira Antonio e a egressa Fabiana Rachieli de Souza foram aprovados em Processo Seletivo (Edital n° 03/CIEBP – Processo Seletivo/2022), sendo que ambos foram contratados pela SEDUC para atuarem junto ao CIEBP, compondo a equipe de formadores.

Compartilhar Notícia

Notícias relevantes